Para aqueles que têm alguma dificuldade em " atacar os cordões", aqui fica uma aula GRáTIS que mostra a simplicidade desse gesto que para muitos é um nó na cabeça.