... sim, aquele que as nossas mães diziam sempre
para que não aceitasse-mos nada dele...

é este: