Um caçador americano ainda está a recuperar depois de ter sido atingido na perna por um tiro disparado a curta distância pelo seu cão, que pisou inadvertidamente a espingarda de caça e disparou o gatilho, informa o site G1.
James Harris, de 37 anos, de Tama, foi atingido nas costas, confirmou Alan Foster, porta-voz do Departamento de Recursos Naturais de Iowa, salientando que a pessoa alvejada estava a caçar com um grande grupo a cerca de 4,8 quilómetros o norte de Grinnell.
O grupo atirou a uma ave e, quando Harris foi buscá-la, deixou a arma no chão e passou por uma cerca.
Enquanto cruzava essa cerca, um dos seus cães de caça pisou a espingarda.

A arma estava a cerca de 90 centímetros de distância.
«A velocidade da boca da espingarda é tão alta que as balas não têm chance de se espalhar», frisou o porta-voz.

O caçador foi submetido a uma cirurgia e está bem. «Foi atingido por 100 a 120 chumbos numa área de cerca de 10 centímetros de diâmetro nas costas», especificou.