O titulo do anúncio não seria estranho se se tratasse de uma pessoa mais ou menos normal, mas:

Os homens chineses não são conhecidos pela sua pilosidade excessiva, mas Yu Zhenhuan foge à regra. Não há quase nenhuma parte do seu corpo que não esteja coberta de pêlos, o que segundo ele lhe cria dificuldades na aproximação do sexo oposto. Depois de ter terminado a relação que mantinha com a sua antiga namorada, o chinês de 29 anos inscreveu-se numa agência de encontros na Internet para encontrar uma substituta.

A foto de Zhenhuan, que entrou em 2002 no livro dos recordes do Guiness em 2002 como o homem mais peludo do mundo, foi encontrada por um internauta que quis manter o seu anonimato, segundo o sítio Ananova. «Fiquei surpreendido por ver a sua fotografia ali, porque tinha ouvido que ia casa em breve. Por isso telefonei aos media».

A publicação electrónica refere que esta informação foi confirmada pelo próprio recordista, de 29 anos, ao jornal Zhejiang Online, que lamentou o fim da relação de três anos que mantinha, assim como o seu aspecto físico.

«O meu corpo todo está coberto de pêlo e os meus pais estão preocupados que eu não consiga encontrar uma mulher. Muitas raparigas ficam chocadas quando me vêem pessoalmente», disse, acrescentando: «Sinto-me como o Kin Kong, repugnante, mas com um coração mole e terno».

Eu diria peludo também... o coração que é mole e terno.