Um britânico foi condenado a cinco dias de prisão por ter urinado num dos monumentos mais importantes da Letónia, informa o jornal electrónico G1.

O homem, cujo nome não foi divulgado e que negou a acção, foi preso depois de ter sido apanhado a urinar no Freedom Monument, na passada terça-feira. O monumento foi construído em 1935 e tem 42 metros de altura.

Este não é o primeiro caso da Letónia, mas nas outras situações, as pessoas foram simplesmente multadas.

Fonte: PortugalDiário