Com sede de destruição, o Xaimit tem agora cerca de 14 atrocidades em fila de espera, prontinhas a rebentar.
Para não deixar acumular tanta atrocidade, hoje lanço já duas.
Cuidado, cá vão elas:

eu só queria ver a cara do padre...!!


conselhos importantíssimos

SOLICITAÇÃO


Caro Manuel,
Espero que me possa ajudar.
Há dias, de manhã, peguei no meu carro e saí para o trabalho, deixando o meu marido em casa a ver televisão.
Andei pouco mais de um quilómetro, quando o motor se foi abaixo e o carro parou.
Então voltei para casa, para pedir ajuda ao meu marido.
Quando lá cheguei, nem pude acreditar naquilo que meus olhos viam.
Ele estava na cama com a filha da vizinha!
Eu tenho 32 anos, o meu marido 34, e a miúda 22. Nós estamos casados há dez anos.
Quando o interpelei, ele confessou que eles tinham um caso há seis meses.
Eu pedi-lhe para parar ou seria forçada a deixá-lo.
Esclareço que ele foi despedido há seis meses e desde então tem estado muito deprimido.
Eu amo-o muito, mas desde que lhe fiz
aquele ultimato ele tem estado muito calado, ausente, distante.
Temo tê-lo perdido para sempre.

Estou desesperada.
Pode ajudar-me?
Antecipadamente grata.
Patrícia


RESPOSTA

Cara Patrícia
Quando um carro pára, depois de haver percorrido uma pequena distância, isso pode ter ocorrido devido a uma série de factores. Comece por verificar se tem gasolina no depósito.
Depois veja se o filtro da gasolina não está entupido. Verifique também se há algum problema com a injecção electrónica. Se nada disso resolver o problema, pode ser que a própria bomba da gasolina esteja avariada
, não proporcionando quantidade ou pressão suficiente nos injectores.

Espero ter ajudado,
Manuel.



reivindicado pelo: